quarta-feira, janeiro 25, 2017

Receita Lasanha de Berinjela ou Berinjela à Bolonhesa por Paulo Cruz

Receita Lasanha de Berinjela ou Berinjela à Bolonhesa por Paulo Cruz



Ingredientes:
3 ou 4 Berinjelas Grandes
1 Litro de agua
Uma colher de sobremesa de Sal
300g de muçarela fatiada
300g de presunto fatiado
Molho Bolonhesa
Queijo Parmesão para gratinar

Para o Molho
2 latas de Tomate Pelato
1 cebola media picada
1 dente de alho fatiado fininho
1 colher de sopa de açúcar
½ colher de sopa de sal
Pimenta do reino a gosto
800g de carne moída (acém ou patinho)
1 colher de sopa de margarina
300ml de agua
2 Colheres de sopa de Molho Shoyu

Modo de Preparo Molho
Em uma panela, junte a margarina a cebola e o alho e deixe dourar levemente. Em seguida junte a carne, o sal e a pimenta. Em uma tigela funda despeje os tomates pelatos e os amasse, use a agua para lavar as latas e reserve. Quando a carne estiver bem refogada e sem caldo em excesso acrescente o conteúdo da tigela juntamente com o açúcar e o Shoyu. Deixe cozinhar em fogo baixo, mexendo de vez em quando até reduzir e se tornar um molho texturado com aparência ferrugem e reserve.
Modo de preparo da berinjela
Fatie as berinjelas de forma regular com casca e tudo, e cozinhe brevemente na agua e sal. Quando estiver ficando macia e transparecendo escorra a agua e reserve. Não é necessário cozinhar muito pois ainda irá ao forno com bastante molho e terminara de cozinhar
Montagem da lasanha
Em uma travessa de vidro, monte em camadas alternadas começando pelo molho, fatias de berinjela cozida e finalizando com a muçarela e o queijo parmesão

Leve ao forno para gratinar e sirva puro ou com arroz

sexta-feira, julho 08, 2016

...Pão é Vida...




Acabei de assistir ao 3o. capitulo do Cooked, serie exclusiva do Netflix, como minha esposa querida me indicou....
Cara, sensação apos o capitulo...MUITO FELIZ DE VERDADE, me dei conta que sei fazer pão
Descobri que adoraria ter acesso a uma farinha de verdade integral mesmo, nao esses engodos que temos possivel
Farinha Branca nao presta(quase)
Quero experimentar fazer um pão com fermentação natural, achei o maximo, e passei a acreditar na chave de nossas mazelas os processos de industrialização
Nem glutem nem outros componentes são viloes, o processo que esta errado.
fazer uma massa e colocar fermento é comer veneno...
Pão é vida...


quinta-feira, julho 07, 2016

...Coca Verde...

Desafio a quem não provou, em provar a nova Cocacola Verde.
Sou viciado em coca cola
Criaram uma nova modalidade de Coca Diet, dessa vez sem sacarina e com Stevia(produto "natural") e 50% nenos açúcar.
Em contra partida, o Sódio se eleva como em qualquer produto do gênero.
Então vcs me perguntam que diferença fez??
Cara, pra quem ama coca cola e estava se assustando com as quantidades de açúcar que estava consumindo, essa é a primeira vez que a Coca conseguiu reduzir algum açúcar, sem tirar o gosto da coca cola. O máximo de diferença que se sente é uma Cocacola um pouquinho mais aguada(como aquela que você pegou quente na dispensa e colocou aquela pedra de gelo e foi zapiar os canais da TV, quando voltou tava aquela coquinha gelada e fina que você vira de uma única vez e zera o copo).

Dai a segunda pergunta: Quem é vc pra dizer se é bom ou ruim?
Minha resposta: Sou um alguém que quando senta pra "beber" coca cola, bebo mais de 2 litros  ou como preferir, saca aqueles Copões promocionais do Cinema de 1000ml sempre mais de um assistindo a um bom filme na sala, ou ainda, sabe no barzinho, geral bebendo chopp(que tb adoro) um, dois, três, dez choppinhos, o motorista da rodada acompanha com coca, vc diria uma duas latinhas? Naaaaaaaoo, se passarmos 3 horas num barzinho, serão pelo menos 8 ou 10 latinhas de coquinha gelada.

Isso é um veneno, mas é mais viciante que bebida alcoólica, fico meses sem beber cerveja, vinhos, mas passar mais de dois dias sem coca cola chega dar tremedeira(rss)

...e o vicio não para na coca comum, nessa verde parece ainda mais intenso: Bebi uma única vez quando comprei uma garrafa de 1,5l la pra casa. primeiro que bebi a garrafa todinha sozinho, segundo que depois dessa experiencia, onde vou sempre tento antes de pedir uma coquinha tradicional, sempre pergunto ao garçom se já tem da coca Verde. Curiosamente não achei em nenhum restaurante ainda, mas ela vai chegar e ficar...SOCORRO!!!

sexta-feira, abril 10, 2015

Receita de arroz Auto Gerenciavel

Embora fazer arroz não seja uma tarefa demorada, quando estamos na correria cotidiana, colocar uma porção de arroz para cozinhar e ir tomar um banho ou buscar um filho na escola podem fazer queimar este arroz. Até onde sabia, fazer arroz em micro-ondas normalmente ficava sem gosto, mas hoje em dia ganho alguns minutos de despreocupação com meu micro-ondas fazendo arroz, de uma forma que fica tão ou mais saboroso que o feito tradicionalmente em panela. Sem contar numa propriedade que ainda estou estudando da durabilidade deste, que feito em micro-ondas e devidamente estocado em geladeira, não azeda tão facilmente como o feito em panela.(seria uma propriedade esterilizadora do micro-ondas???)
De toda forma compartilho minha receita...

Pré-requisitos

Travessa funda de vidro, eu uso um Pirex de 30cm de diâmetro por 15cm de altura.
Tampa de micro-ondas semi-vazada(aquelas de colocar sobre o prato)

Ingredientes

1/2 cebola media picada
3 dentes de alho batidos(não use alho pronto, fermenta é horrível)
3 colheres de sopa de óleo, ou o que seja necessário para cobrir parcialmente todo alho e cebola no fundo do pirex
2 copos duplos(de requeijão) de arroz não lavado
1/2 colher de sopa de sal, ou menos se achar muito
4 copos duplos(de requeijão) de água

Modo de preparo

No fundo do Pirex junte o alho a cebola e o óleo e leve por 3 min em potencia máxima
Em seguida, com luvas de forno retire o pirex e adicione o arroz seco e o sal, com a ajuda de uma espatura de silicone, misture o arroz e o sal ao alho e cebola pré refogados, e então adicione 2 1/2 copos de água e leve novamente ao forno(sempre com a tampa), por mais 15 min em potencia máxima.
Após estes 15 min, com muito cuidado com os vapores, de luvas, retire do forno e adicione (pelo centro) o restante da água (1 1/2 copos) e retorne por mais 10 min em potencia máxima.

Ao menos que você precise do micro-ondas, somente retire do forno na hora de servir, ele se mantem quentinho por horas.

terça-feira, janeiro 27, 2015

...Ferias...

Estive de ferias após o final do ano e fiquei uns dias no Espirito Santo curtindo uma de Local em Vila Velha. Pra quem não conhece, Vila velha hoje é como uma Ipanema recém construída, com sua orla de arranha-céus residenciais e suas  entradas monumentais de 15 metros de altura. O endereço: Avenida Gil Veloso, carros de luxo circulam a vontade, Lojas, hotéis, restaurantes, tudo de frente para um mar fabuloso. na primeira rua paralela a orla a Avenida Hugo Musso(agora estamos no Leblon), mais restaurantes, salões de beleza, confeitarias, casas de vinho, temáticos, qualquer coisa semelhantes com as rotas famosas do Rio de janeiro não são mera coincidencia. frequento Vila velha a anos e vi tudo isso se transformar. A cidade possui até mesmo 3 ENORMES shoppings centers com o que há de mais presente em qualquer metrópole do mundo. 
Comer em vila velha é um prato cheio de opções para todos os gostos e bolsos. Nesta minha ultima visita, reafirmei meus votos no tradicional Costa Brasil com seu churrasco Premium muito bem servido, mas a minha surpresa foi no fastfood.
Vila Velha tem uma tradição de grandes lanchonetes de praia de TUDÃO(pão, 2 carnes, bacon, ovo, queijo, presunto, tomate, cebola, alface, ervilha, milho, frango desfiado, ketchup, mostarda, maionese, uffa), sabe aquele sanduba de rua do trailer, pois é, la muitas casas abriram e duas sobreviveram por anos a expansão imobiliária feroz que acontece em toda a cidade. O Dionísio e o Minuano, com um mesmo formato ate parecem filiais. Nessa existência despertou-se um apreço aos Burgers na região que ganhou recentemente uma casa temática na Hugo Musso chamada Rock Burger, dispensando apresentações seu visual reflete ao nome sem perdas.
Em sua carta de sandubas, excelentes opções de burgers nobres como de casas australianas famosas por aqui. A qualidade do sanduíche é razoável, mas a espera é grande!!!.
Muito mais modesto e com uma proposta magnifica vem a minha descoberta que valeu pelas ferias no local: o The House, uma minima casa com 4 mesinhas mas um hambúrguer de Verdade, para apreciadores experientes, sustenta um hambúrguer padrão norte americano, saboroso, com pão e recheios perfeitos.

A justificativa da pequena casa, seu forte por delivery, imagino que se mantendo o sucesso com padrão de qualidade que expandam em breve para um endereço mais nobre em uma casa maior. 
Uma coisa que não posso de comentar é que o capixaba também curte a muitos anos sorvetes e possui citações memoráveis como o picolé safado Ajellso de todos os sabores na praia, ou a Honrosa gellateria Premiatta na orla, ou ainda as inconfundíveis casas de sorvete a Quilo Fioretto e 40 Sabores, onde se toma um sorvete saboroso e a baixo custo.

...Continuidade...

Lembram quando escrevi que surgiram novos bares na região do Meier, que faria parte de um movimento em busca de novos bares devido ao fenômeno Lei Seca? Pois é, muitos bares novos surgiram, com novidades bem interessantes, Bares famosos, novos bares com boas propostas, uma gama de experiências a viver entre os novos endereços do bairro. No entanto, terminei meu texto com a duvida que estes sobreviveriam aos 6 meses iniciais. Sobreviver num mercado bem concorrido exige um bom jogo de cintura. Bares antigos e consagrados permaneceram em plenitude como o Manoel e Joaquim (o mais antigo deles, do engenho de dentro)que adaptou seu cardápio as novas concorrencias, como por exemplo a mudança da porção de pasteizinhos por pasteis individuais, refletiu no preço, mas a qualidade se manteve  e houve quem disse que ficaram melhores que antes. Já os novatos, vale ressaltar a permanecia sem duvida do Espeto carioca com excelentes pratos de espetinhos(nem tão "inhos" assim), garçons rápidos e prestativos, sem contar com um chopp estupidamente gelado até mesmo pra quem senta ao lado da churrasqueira deles , onde fica quente pra burro!!!  
O Vizinhando foi uma promessa, com boa proposta, acessível e bem localizado, resistiu bravamente até dezembro. Confesso que se tornou minha opção de refeições pertinho de casa, ou mesmo aquele choppinho refrescante e rápido. Acontece, que na ultima visita minha perto deste feriado de 20 de janeiro, estive la, e me decepcionei com o padrão dos espetos servidos. O Padrão havia caído, fotografias não correspondem mais a realidade. Dois casos críticos: Espetinho de coração( "inho" mesmo, ao ponto de ser servido naqueles palitinhos de espetinho de rodizio japonês e coraçõezinhos do tamanho de uma ponta de dedinho mindinho. Outro caso foi o Salsichão(que de "ão" não tinha nada) que me foi servido ao lado do display de divulgação de produtos que me mostrava um suculento e saboroso salsichão que nem de longe serrando os olhos se parecia com o que foi servido. Indaguei o garçom a respeito da diferença dos produtos e este riu e disse que estava um pouco diferente mas sem poucas explicações.Experiência lamentável, nem deu pra ficar feliz com o chopp heineken que esta disponível agora...
falamos agora de um famoso que não poderia deixar a peteca cair(mas DEIXOU) foi o difícil Bar do Adão, com sua varanda concorridissima, tinha tudo pra se manter como sucesso absoluto, mas pelo jeito esta sofrendo os males de altas taxas de juros em financiamentos com fornecedores. Pelo que percebi esse sucesso permanece(só para o dono), mas deve se fazer criticas, casa cheia so permanece se o padrão se mantem. Ao menos que os clientes do Meier não tenham paladar, o que não acredito, foi notado que estão embutindo produtos inferiores nos recheios dos famosos pasteizinhos nesta filial. Uma estrategia ruim que desafia os clientes, e pra que isso? casa cheia de segunda a segunda, não há necessidade. Sabe aquele pastel de doce de leite, que inicialmente era feito com Leite moça cozido em panela de pressão(igual aquele que nossa mãe fazia pra rechear bolos)pois é um sabor único que foi deixado de lado em troca de lucro e substituído por um de péssima qualidade. Outros índices de negligência que definitivamente desafiam o paladar como a substituição da muzzarella de bufala de alguns pasteis por muzzarella comum, queijos Brie totalmente passados, desqualificação de pasteis de queijo abarrotando-os de Gorgonzola barato, até o catupiri dançou. Mas a minha surpresa, onde eles jamais poderiam se arriscar mas arriscaram foi o pastel de camarão. Eles possuem duas qualidades de pastel, o de camarão e o de super camarão, me lembro da filial do Grajau e parecia desafio a física caberem tantos camarões em uma única massinha de pastel, o sem ser super também não perdia por nada, apenas tinha um delicioso creme de camarão a perfeição. O que temos hoje 4 camarões e algo semelhante a molho de queijo industrializado de péssimo paladar, muito longe do sabor autentico que já existiu nesta mesma casa ao abrir suas portas. Por incrível que pareça, o único pastel que comi nesta noite fatidica que poderia receber o selo de Pastel do Adão foi um singelo pastel de queijo minas que se manteve dentro dos padroes da casa, resta saber ate quando... 

terça-feira, outubro 28, 2014

Novidades pela TV

Desde que adquiri um pacote de TV por assinatura passei a assistir muitos programas de culinária, batalhas de chefs, e outros realities que envolvam gastronomia. Confesso que embora o formato de programa de cozinha seja batido, assistir ao Bud Valastro, o famoso Cake Boss, em sua cozinha preparando pratos de sua família no programa Kitchen Boss é um prato feito pra quem gosta do assunto.E uma excelente oportunidade de conhecer boas ferramentas e ingredientes inovadores já disponíveis em algumas casas especializadas.
Numa dessas idas e vindas do programa, aprendi a usar dois ingredientes fantásticos e até então desconhecidos para mim mas que hoje o consumo regularmente. De origem Italiana, Bud prepara muitos pratos de massa e um de seus ingredientes básicos são o Tomate Pelatto e a pasta di pomodori(um tipo de extrato de tomate em tubo de pasta de dente)
Assistindo o Bud usar estes ingredientes resolvi procura-los no mercado, e pra minha surpresa, na seção de enlatados estavam lá 5 qualidades de Pelattos.

O Tomate Pelado nada mais é que um tomate pré-cozido descascado e enlatado que usa seu próprio suco como conserva, sem adicionais nem conservantes. temos a opção de vir inteiros ou em cubos. Possuem a mesma serventia, e substituem o tomate fresco sem perdas no sabor, mas com ganhos gigantescos sob o tempo de preparo e a colocação do preparado. Quando estive na Itália em 2012, verifiquei que é um artigo largamente utilizado nos grandes restaurantes e farto nos mercadinhos locais.

A Pasta de tomate em tubo ainda não é algo comum no Brasil, é necessário procurar em casas especializadas ou de importação. Seu valor ainda é um pouco salgado, mas rende bastante. Pra se ter uma ideia, onde colocamos uma colher de sopa de extrato de tomate comum(aquele do elefantinho), usamos para o mesmo resultado, apenas uma colher de chá da pasta de tomate. Seu sabor é intenso e sua cor vibrante.  


Em minha pizza, costumo usar uma lata de tomate pelato, apenas mal amassado em substituição do molho, sem adicionar mais nada, para um molho a bolonhesa, numa proporção de 800g de carne moída já refogada acrescento duas latas amassadas ou em cubos.

Quando quero um bom refogado de carnes para um recheio, um toque de tomate vai bem, mas não posso hidratar muito, neste caso uso a pasta de tomate em tubo. sabor e cor sem ficar melecado.

Tomates frescos hoje em dia uso para saladas e para aquela pizza marguerita, as demais receitas substitui tudo por pelato, sem contar com o fato que enlatado posso esquecer um pouco que não estraga ou cresce barba branca na geladeira.

obs.: O que escrevo por aqui, são relatos de experiências, não proponho uma dieta saudável, apenas saborosa,  Não incentivo o uso de industrializados. Tratam-se de escolhas pessoais e a responsabilidade destas escolhas é de cada um.

segunda-feira, outubro 27, 2014

Um novo Meier...


Nos últimos 3 meses, na região do Meier, redondezas da Dias da Cruz, brotaram uma penca de novos bares, de tradicionais a temáticos, oferecendo diversidade aos moradores da região, que somente podia contar com poucos exemplares de bons bares. Acontece que, hoje, em tempos de Lei Seca, o pessoAll que curte um choppinho, antes acostumado a se deslocar aos bairros mais nobres em busca de experiências diferenciadas no consumo da boemia, lotando a Lapa, a Barra e outros bares na zona Sul, atualmente esta deixando de migrar para essas regiões e a ocupar lugar em bares mais arrumadinhos ou mesmo em franquias conhecidas em seu próprio bairro. Venho observando essa mudança e isso se torna um grande nicho de mercado.
A velocidade dessas inaugurações foi tamanha que ainda não consegui visitar todos esses novos antros "etílico-gastronômicos", mas já deu pra ter uma ideia de que tendencia teremos na exploração deste nicho. Um dos bares desconhecidos mas com uma boa proposta foi o pequeno Vizinhando, instalado em um excelente ponto na Dias da Cruz próximo a esquina da rua Pedro de carvalho. seu tema é Espetinhos de Churrasco de alto padrão, com decoração alinhada, belos pratos de chamar atenção a um Designer, um inconfundível Chopp Brahma caprichado por apenas R$5,00, mas seu cardápio não se limita aos espetos gourmet, oferecendo combos, e outras opções de comidinhas, sem contar que podemos optar por refeições completas estilo Giraffas mas com bastante sabor. Seu único defeito mas plenamente aceitável é o horário de funcionamento, por estar em lotado em um local mais residencial fica com seu funcionamento limitado as 23:00, pra compensar esta aberto desde cedo todos os dias.
Passando para os famosos, ganhamos no Meier uma unidade do Bar do Adão com seus consagrados pasteis MUITO BEM RECHEADOS, onde desde sua abertura forma filas em sua porta de uma legião de fanáticos por Pastéis da moda. Ontem tentei ver de perto se a filial mantem o padrão das demais mas fui impedido pela longa fila de espera, sem opção de Mesinhas Bistrot para aquele choppinho rápido enquanto nossa mesa não vagava, acabamos desistindo desta primeira visita. eramos um grupo de 10 pessoas, difícil de alocar de ultima hora né? Talvez, mas atravessamos a rua e fomos ao bar em frente Cometa Express, sem novidades mas com mesas disponíveis, e sorrisos no rosto dos garçons e muita boa vontade que me conquistaram esta noite com muitos choppinhos e boas porções de pasteis de camarão saborosos mas que não eram do Adão.
Ao chegar ao bar, nos sentamos e fui analisar este "cardápio". Aguardamos a abertura do cevadas por todo o tempo que seu marketing se propagou pelo facebook, com imagens lindas, belos petiscos, muitas cervejas especiais. Não sei o que houve, mas o cardápio principal do restaurante segue um padrão moderno de apenas uma plaquinha frente e verso bem manipulada por Corel Draw, e com assinatura de uma Chef, pouquíssimas opções de harmonização para inúmeras cervejas de tipos e sabores diferentes, e com uma simbologia de SG(Sem Glutem) em muitos pratos. Achei que estava num bar de cervejas especiais e não num restaurante de alimentos para alérgicos. Como a ideia era tomar cerveja insistimos e permanecemos ao bar. Solicitei uma cerveja ruiva, e fui em busca de um bom petisco para harmonizar. sem sucesso, acabei pedindo a Batata Especial da casa, mais decepção, uma porção simbólica de batatas fritas cobertas de um queijo com farelo de calabresa torrado. Pelos preços, não compensam, nem cerveja nem petiscos, pelas cervejas, preciso estar com muita vontade de uma determinada qualidade de cerveja para ir lá, e pelos petiscos, esquece...
Em uma breve analise durante nossa espera, verifiquei que o perfil de consumo no Adão não necessariamente era de bebedores de cerveja, mas sim de pessoas dispostas a experimentar o longo cardápio de opções de recheios. Também verifiquei que um bar famoso se tornou o frenesi do bairro deixando os desconhecidos como segunda opção. Imagino quanto sucesso faria um Belmonte ou um Informal nas redondezas, faturamento garantido, mesmo oferecendo chopps a 8 ou 9 reais cada, só não consigo prever se esse faturamento perduraria por mais que 6 meses, talvez... Experimentamos um fenômeno de marketing do Bairro outro dia, o Cevadas, de apelo a cervejas especiais, seu cardápio de cerveja até chamaria atenção pela variedade, mas já perdeu o brilho quando o recebi apenas impresso em uma folha de papel branco, mas o que importa é a cerveja...
Um bom, acho que um dos melhores que já visitei, exemplo de bar de cerveja especial é o Botto Bar próximo a Praça da bandeira que quando abre suas portas possui sempre 20 barris de choop especial de diversos fabricantes, nacionais e importados, e serve em suas respectivas taças, oferecendo um menu de petiscos absolutamente saborosos que harmonizam com suas belas cervejas especiais. Destaque para os Bolinhos de carne (meat balls) com molho tabasco ou mesmo sua lentilha amiga(no lugar do velho feijão amigo) com sabores intensos e de fazer repetir varias vezes. Os preços são compatíveis com a qualidade e as porções atendem muito bem.
Ao olhar critico, o cevadas foi uma boa ideia, que teve um excelente trabalho de marketing, tem um ótimo fornecedor de cervejas especiais, mas faltou terminar o bar, de aparência incompleta, simples demais, faltou que o dono se decida o que vai explorar, ora o choppinho comum e petisco comum, ora cervejas especiais e um verdadeiro cardápio harmonizando com suas cervejas..fica a dica, não é preciso um prato para cada cerveja, mas as cervejas se dividem em grupos de sabores padrão, umas mais outras menos intensas, mas sempre Brancas(witbeer), loiras(pilsen ou lager), as de trigo, ruivas e escuras.

segunda-feira, outubro 06, 2014

...um ano e ainda tô Vivo...

PessoAll,

Passei por aqui só pra dizer que ainda estou vivo..Rss

Perguntam porque dessa afirmação?
Estava remodelando um blog de minha esposa, e acabei esbarrando no link para este meu blog de culinária. Acontece que não posto a muito tempo, acho que sou desses que tem blogs e posta duas ou três vezes por ano alguma receita ou um sinal de vida, como este post que escrevo agora.
Durante esta visita ao meu velho blog re-li um post meu de 26/10/2013 quase um ano certinho atrás, e lembro que postei minhas mudanças momentâneas de alimentação pois havia sofrido um pico hipertensivo. Não tinha me pesado até então, descobri ontem que estou com 126kg, mas não tenho me sentido mal. Confesso que estou muito acima do peso e deixar de comer as coisas que amo é uma barra, e, aconselho a todos que não desistam de suas metas, emagrecimento é coisa seria, difícil é desviar uma dieta rigorosa de lindos pratos típicos em viagens ao redor do mundo. Andei pensando outro dia que se formos avaliar a vida ao longo de um ano, temos pouquíssimas oportunidades de não sofrer com alimentação, no caso de você se preocupar com hábitos mais saudáveis. Por exemplo, o ano se inicia com as festas de réveillon, Chester assado, lombinho de porco, presunto tender  e uma porretada de doces deliciosos...rebordose alimentar dura duas semanas, ao final destas você nem quer mais ouvir falar destes alimentos mas ate então os consome sofregamente...respiramos e vem o carnaval, cerveja a rodo, e petiscos, desde o fatídico salsichão na Rio Branco, com direito a "farofa", até deliciosos petiscos nos impecáveis bares na encruzilhada das ruas Mem de Sá com Lavradio. Sem contar com aquela tarde e outra de resenhas com amigos em casa mesmo, isso tudo ate a quarta-feira de cinzas..ta bom, então o ano começa de verdade, pelo menos para um carioca padrão. Ano novo vida nova, novos hábitos, segunda-feira com resolução de ano novo, por em pratica aquela dieta pra compensar o natal, ano novo e carnaval, tudo junto. se passam 4 meses e você perde algum peso, se enche daquela sopa detoxy(aquela que leva NABO)daí chega abril, a pascoa e seus chocolates, ahh sim, sexta-feira santa e um final de semana inteiro de velhas novidades gastronômicas sazonais, aquele bacalhau da sexta, um camarão aqui, um peixe ali, nessa época, se viaja a minas deliciosamente, pronto, a loja de doces Vitoria Regia de Tiradentes detona sua alimentação detoxy com aquelas HORRÍVEIS balinhas deliciooosas de coco, recheadas com brigadeiro ou maracujá. De desmanchar na boca, sem contar com o danado do Feijão Tropeiro a qualquer hora no Celso la na praça. mais umas semanas ate acabar o chocolate de casa, e nisso você já com certeza reservou um final de semana lá no hotel fazenda de Pati do Alferes, aquele com 7 refeições diárias e durante as festas juninas, a orgia alimentar aumenta, com comidinhas tipicas, espetinhos, rabada, angu..mais tropeiro, com o caldo da costela, pra ficar legal e muito vinho...estrago completo...mais uma segunda feira.
Esqueci de comentar, esse ano teve copa do mundo e foi terrível, Cerveja e petisco a cada jogo, Brasil ganhando ou perdendo rolou costelinha na canjiquinha, Chilli, feijão amigo, sem contar no tradicional Doritos, Fandangos e batata Ruffles.
Toda segunda feira após um final de semana desses é inesquecível. dai você piscou Agosto, o més do desgosto, a sua calça esta te cortando por dentro e você novamente se concientiza, preciso descongelar o resto da sopa detoxy e voltar a uma alimentação mais saudável, resolve abrir mão do veneno mais implacável da industria, CocaCola, é isso aí!!!, Essa determinação só dura até a sua sogra lhe oferecer aquele copo suado e com gelo lotado deste liquido precioso, as vezes do almoço até o jantar,,,longo intervalo. Daí em setembro més do seu aniversário, você quer sumir, se sentindo gordo, cada vez mais apaixonado por aquela Cerveja que tomou durante as ferias em Portugal, preciso falar dos malditos Pasteis de Belém ou de Bolinho de bacalhau? Não, ah tá.., e nesse ano foi hard, Almoço de aniversário você prepara para família aquela lazanha padrão, mais uma segunda feira sem vontade politica pra iniciar uma dieta, dai tu ganha um balde de cerveja importada, to feliz até agora, já bebi metade, amanha é segunda feira novamente, tu acha que consigo iniciar uma dieta hoje?? Acabei de votar, politica não é muito minha praia, ma os candidatos esse ano não estavam descendo nem com CocaCola, Que por sinal acabei de beber mais dois copos, é, eu sei, esse veneno, mas é um geladinho doce tão bom, sobrou meia garrafa aberta do jantar, em dia de eleições, com o transito detonado pelo TRE aqui perto de casa, não deu pra elaborar algo melhor que um cachorro quente, maionese, Catchup e calorias. Faltam pouco mais que 8 semanas para o final do ano, cara o ano ta acabando, e ainda tem aniversário da criança, da esposa, da mãe, da sogra, da irma...uffa, já estaremos em dezembro nos preparando para o natal,  mais Chester rabanadas..cara eu preciso de uma agenda, tem muita coisa pra fazer, muitos amigos pra encontrar e tomar aquela cerva gelada, me diz que horas vou iniciar minha dieta?

sexta-feira, julho 26, 2013

Hamburger menos calórico, mas bem saboroso...

Outro dia tive vontade de comer um hamburger, tipo um TUDÃO, daí parei e pensei, tudão não rola, mas posso fazer um hamburger sem gordura, com pouco sal e num pão integral com salada, daí experimentei uns ingredientes e acho que deu certo, todos lá em casa adoraram e vou compartilhar essa receita...

Ingredientes:

1Kg de carne moída (de preferência limpa sem gordura de uma carne magra)
1/3 de uma garrafinha das pequeninas de molho shoyo(molho de soja)
3 dentes de alho amassados
1/2 cebola grande picada
1 ovo
2 fatias de pão integral molhado, escorrido  e picado

Misture bem os ingredientes amassando com as mãos para agregar e homogenizar a massa.
Forme bolas de carne do tamanho de uma bola de tennis
Grelhe num grill inclinado (tipo George Foreman)ou na brasa se tiver disponível

caso sinta que a massa ficou muito molhada e pouco agregada podemos adicionar mais uma fatia de pão integral molhado e escorrido ou um pouco(tipo uma colher de sopa) de farinha de rosca

O tamanho Bola de tennis proporciona um Hamburger tipo Outbacker daqueles hamburgeres SÉRIOS de 250g de pura carne com sabor de churrasco
Na receita não adiciono sal pois o proprio shoyo possui quantidade demasiada de sal e na quantidade indicada tempera sem ficar salgado

Após grelhar bem para não ficar cru no meio, monte em um pão para hamburger Integral(wickbold) aquecido em chapa/frigideira/grill., coloque folhas de alface americana ou crespa rasgadas e rodelas de tomate, azeite e quem desejar um pouco de sal.

Rende 8 MegaBurguers ou 16 hamburguers

Bom Apetite